Vamos Falar de Gastronomia

Gabriel Kassner Leoni

Formado em gastronomia, pós graduado em Docência do Ensino Superior e já atuou em diversos restaurantes, hotéis e navios de cruzeiros ao redor do mundo

Ver artigos

Buenaaas, como estão? Chef Gabriel Leoni aqui, e como vocês já sabem, é sexta-feira e dia de falar de Gastronomia ?

Antes de mais nada lhes faço uma pergunta? O que é gastronomia? Qual o real significado deste termo mundialmente difundido e que todo mundo fala?

Pois bem, vamos por partes...

Segundo o Dicionário Priberam, Gastronomia pode ser definido como:

  • 1 - Conjunto de conhecimentos e práticas relacionados com a cozinha, com o arranjo das refeições, com a arte de saborear e apreciar as iguarias;

A origem etimológica da palavra “Gastronomia”, diz que a palavra nasceu da junção de outras duas palavras: “Gastro” mais “Nomia”.

  • Gastro - Significado de Gastro. substantivo masculino Palavra de origem grega, que significa estômago, ventre. Etimologia (origem da palavra Gastro). Do grego Gaster, estômago.
  • Nomia - Geralmente as palavras que terminam com o sufixo – “Nomia” fazem relação ou exprimem normas, regras e leis.

Legal Chef, mas não entendi nada rs, o que isso realmente quer dizer?

A definição totalmente arcaica e nada usual acima não define de forma prática seu real significado.

Gastronomia, é um universo mágico, onde tudo que está relacionado ao ato de comer, beber e servir, bem como todos os profissionais que atuam neste ramo e nele estão inseridos, compreendem e definem o que chamamos hoje de Gastronomia.

Erroneamente, muitas pessoas tendem a relacionar a gastronomia somente com a arte de cozinhar, sendo que esta é somente umas das áreas da qual o termo abrange. Quando falamos dela, precisamos ter em mente que uma existe toda uma cadeia de trabalho, profissionais e áreas distintas que estão envolvidas para que de fato ela exista e se defina

A Gastronomia é um todo.

Pensem comigo...

Produtores de alface estão envolvidos na gastronomia?

Se sua resposta foi sim, você está certo.

Se ninguém plantar, não vai ter o que servir, se ninguém entregar, não vai ter o que servir, se ninguém receber, higienizar e preparar, não vai ter o que servir, se ninguém te levar o prato até a sua mesa, não vai ter como você comer, e assim por diante.

Desta forma podemos entender como é amplo esse universo, e como ele se estende muito além das panelas. Falar de gastronomia envolve paixão, dedicação, e consciência de que muito se está por trás do simples ato de se sentar e degustar aquela maravilhosa refeição no seu restaurante favorito.

Hoje em dia cada vez mais os brasileiros tem de se dado conta de que a gastronomia deve ser tratada como um momento de exploração dos prazeres a mesa. Os números de restaurantes cresceram, (podemos ver isso nitidamente aqui em Jaraguá do Sul), as opções se multiplicaram, os paladares se afloraram, se tornaram cada vez mais exigentes e cada vez mais as pessoas entendem e apreciam o valor de uma boa comida, mas o mais impressionante é que começou a se dar valor a EXPERIENCIA como um todo.

Falar de gastronomia é falar de EXPERIÊNCIAS, tanto gustativa, quanto olfativa, tátil e sonora.

O termo Food Experience, está cada vez mais em voga, em alta. Este termo surgiu como uma necessidade de mercado. Donos de estabelecimentos perceberam que oferecer uma experiência única para o cliente é imprescindível para que exista o desejo de voltar para o restaurante.

O conceito de Food Experience é bem simples. Na verdade, o termo em inglês tem como tradução literal “experiência da comida” e basicamente esse é o significado real.

Os clientes buscam cada vez mais interação entre espaço, música, ambiente, decoração, exploração de conceitos, atendimento, sabor (é óbvio) e que acima de tudo aquela refeição seja um momento inesquecível.

A comida, a bebida, as companhias e principalmente o momento como um tudo possuem uma simbologia e um significado marcante nas pessoas. Dificilmente você irá se lembrar de um prato por si só, pois com toda certeza a lembrança estará ligada a toda experiencia do momento como um todo. A companhia que estava com você ou mais de uma, a música de fundo, a bebida que acompanhava a refeição, as risadas, o atendimento especial (talvez você até se lembre do nome do seu garçom), e assim você começa a perceber que aquela noite memorável de um jantar especial, na verdade pouca estava conectada a comida, mas sim como uma experiencia sensorial mágica que pairava sobre você naquela noite/dia especial.

Agora você entende que os grandes restaurantes realmente vendem: EXPERIENCIAS.

A Gastronomia é mágica por isso, por que nos desperta sentimentos profundos tanto afetivos quanto melancólicos. 

Me despeço hoje aqui com um aceno (abraços estão suspensos por enquanto rs) e deixo uma última reflexão para vocês?

Quando foi a última vez que vocês tiveram uma experiência mágica gastronômica?

Como sempre, desejo a todos um ótimo final de semana, um feriado maravilhoso de muita paz, luz e comida boa. E não esqueçam de se cuidarem, lavar as mãos sempre, beber bastante água e praticar a Cozinha Terapia. Beijos do Chef

Gabriel K Leoni

 

 

 

Notas

Partidos buscam mulheres para se lançarem em campanha - Com o veto às coligações proporcionais, partidos políticos têm feito uma corrida interna para ampliar o número de mulheres dispostas a se lançar em campanha. Como a nova regra obriga a partir deste ano que cada legenda tenha, de forma independente, ao menos 30% de nomes femininos nas urnas, partidos que não alcançarem esse percentual vão ter de barrar homens na eleição. Se a cota feminina não for alcançada, a lista de homens terá de ser reduzida na mesma medida e a chapa será então proporcional. Em eleições anteriores, quando a cota do gênero já estava valendo, mas o veto às coligações ainda não, os partidos se coligavam e valia a média de candidaturas femininas do bloco. Na prática, uma legenda podia salvar a outra. Agora é cada uma por si. E além de estabelecer uma percentagem mínima de candidaturas de mulheres, as regras eleitorais determinam que os partidos destinem ao menos 30% de sua verba do Fundo Eleitoral para as campanhas femininas. A corrida por mulheres candidatas está acontecendo em todos os partidos.

Escola de gastronomia organiza duas oficinas - O Chef Gourmet, escola de gastronomia sediada em Jaraguá do Sul, está organizando duas oficinas para capacitação de interessados no universo gastronômico. No dia 22, o chef e professor Gabriel Leoni fala sobre melhores cortes de legumes e verduras para várias preparações e também como congelá-los. Já nos dias 28 e 29, é a vez de a chef Dominique Conceição ensinar aos participantes os segredos da preparação de ovos de Páscoa. As inscrições podem ser feitas pelos telefones (47) 9 9115-8506 e 3055-0679. Para saber mais, basta acessar www.escolachefgourmet.com.br ou seguir as redes sociais da marca.

Secretaria de Saúde promove audiência pública - Os resultados do último quadrimestre serão apresentados à população pela Secretaria de Saúde de Massaranduba na segunda-feira (24), a partir das 9h30min, na Câmara de Vereadores. O relatório dará também os números consolidados do ano. A audiência é o meio pela qual a comunidade pode acompanhar a execução da programação anual da saúde relativos a 2019 e os principais detalhes sobre recebimentos e aplicação dos recursos financeiros e prestação de serviços.

CARNAVAL – O Clube Atlético Baependi promove no dia 25, terça-feira, o carnaval infantil a partir das 14h, com animação do Dj Xalinho e tendo como atração o Robô Led. No local haverá food truck. Evento gratuito para sócios e não sócios a R$ 5,00. Até cinco anos é livre.

Centenário realiza a festa de rei e rainha - A Sociedade Desportiva Recreativa Rio da Luz II – Salão Centenário, realiza no dia 22, sábado, a festa de rei e rainha com baile, a partir das 18h com a concentração dos sócios e uma hora depois a busca das majestades, Muriel Cristo e Jehnefen Tonello (rei e rainha), Natalício Shimanski, David Horongozo, Cecília Schimanski e Tânia Fischer (cavalheiros e princesas). Aldoir Oldenburg será o comandante. O baile começa às 20h30min com a Banda GBD, posteriormente o Grupo Chama e para finalizar a noitada, o Grupo Talagaço. O valor por participante é R$ 35,00 com direito ao buffet, duas horas de bebidas livre (cerveja, refrigerante e água) e impresso para o baile. Quem for apenas para o baile pagará R$ 15,00.