Uma caminhada, outra Escola!

Claudio Piotto

Professor Pesquisador, Mestre em Educação, Especialista em Planejamento Educacional e Docência do Ensino Superior, Historiador e Pedagogo. Entusiasta da Educação.

Ver artigos

Boas lembranças, sempre ficam...

Recordando minhas boas lembranças, hoje escrevo um pouco sobre meu período como Professor no Colégio Marista São Luís, bons anos entre 2005 a 2012. Quando chegava no colégio pela manhã era certo encontrar O Irmão Evilázio, diretor do colégio à época, além de um gostoso cafezinho pronto esperando, isso quando não parava para tomar o café na casa dos irmãos. Nessa época existia o rancho com a horta, espaço de muita paz e reflexão. Entre as lembranças, não posso deixar passar o quartinho do famoso professor Abacate, figura lendária que vinha de Joinville e tinha seu lugar para dormir no colégio. Lembro do período que começamos a treinar futebol para participar da olimpíada Marista, imagina o treino da seleção no campo de gramado que tínhamos naquela época. São muitas memórias dos meus amigos, não vou citar os nomes para não deixar ninguém de fora. A todos deixo um forte abraço, mas saudosamente lembro de outra figuraça, sempre de cabelinho arrumado, tudo organizado no armário... saudades, professor Auri! Aprendi muito como Educador dentro da Filosofia Marista, onde o olhar para o educando começa com afetividade e isso nos leva a um “olhar” mais humano. E não poderia deixar de citar os “estrupícios”, quem sabe vai lembrar. Muitos alunos no primeiro momento ficaram assustados com o modelo das aulas de História, totalmente fora do tradicional e em alguns momentos regada com um bom rock’n Roll, aprendizagem significativa com metodologias diferenciadas, comum na atualidade. Alunos que aceitavam os desafios e respondiam com muita qualidade. Para finalizar, as comemorações de festa junina e a organização das barracas, muita risada. Poderia redigir um livro com todas as memórias.

Rock and Roll como ferramenta de aprendizagem

A música está totalmente ligada à História e serve de ferramenta no estudo da mesma; dentre os estilos musicais trago o Rock’n roll e faço sua relação ao período do governo militar no Brasil, onde as letras musicais traziam palavras de protesto e denúncias sobre aquele governo. A banda Camisa de Vênus com seu rockabilly, Simca Chambord, por exemplo, trazia de maneira divertida uma crítica inteligente ao período. “Mas eis que de repente, foi dado um alerta/ Ninguém saía de casa e as ruas ficaram desertas/Eu me senti tão só, dentro do Simca Chambord”. Utilizando a letra de uma música o professor aborda vários contextos, nesse trecho a questão das restrições, da mudança repentina, levando à reflexão sobre o momento. Claro que na semana que comemoramos o dia do Rock deixo registrado que Rock é História, é transformação e criticidade.

Fala Professor!

A Educação precisa urgentemente que o professor tome a frente e seja o expoente sobre esse tema. Atualmente apareceram muitas pessoas para falar sobre Educação, como fazer Educação, o que fazer... Sem desqualificar essas ações, reforço a afirmação de que o professor é o verdadeiro conhecedor da Educação, das metodologias; nada acontece fora do ambiente de aprendizagem, seja presencial ou remoto. O que quero dizer é que falar e escrever sobre algo, não é o mesmo que vivenciar e praticar.

Notas

Partidos buscam mulheres para se lançarem em campanha - Com o veto às coligações proporcionais, partidos políticos têm feito uma corrida interna para ampliar o número de mulheres dispostas a se lançar em campanha. Como a nova regra obriga a partir deste ano que cada legenda tenha, de forma independente, ao menos 30% de nomes femininos nas urnas, partidos que não alcançarem esse percentual vão ter de barrar homens na eleição. Se a cota feminina não for alcançada, a lista de homens terá de ser reduzida na mesma medida e a chapa será então proporcional. Em eleições anteriores, quando a cota do gênero já estava valendo, mas o veto às coligações ainda não, os partidos se coligavam e valia a média de candidaturas femininas do bloco. Na prática, uma legenda podia salvar a outra. Agora é cada uma por si. E além de estabelecer uma percentagem mínima de candidaturas de mulheres, as regras eleitorais determinam que os partidos destinem ao menos 30% de sua verba do Fundo Eleitoral para as campanhas femininas. A corrida por mulheres candidatas está acontecendo em todos os partidos.

Escola de gastronomia organiza duas oficinas - O Chef Gourmet, escola de gastronomia sediada em Jaraguá do Sul, está organizando duas oficinas para capacitação de interessados no universo gastronômico. No dia 22, o chef e professor Gabriel Leoni fala sobre melhores cortes de legumes e verduras para várias preparações e também como congelá-los. Já nos dias 28 e 29, é a vez de a chef Dominique Conceição ensinar aos participantes os segredos da preparação de ovos de Páscoa. As inscrições podem ser feitas pelos telefones (47) 9 9115-8506 e 3055-0679. Para saber mais, basta acessar www.escolachefgourmet.com.br ou seguir as redes sociais da marca.

Secretaria de Saúde promove audiência pública - Os resultados do último quadrimestre serão apresentados à população pela Secretaria de Saúde de Massaranduba na segunda-feira (24), a partir das 9h30min, na Câmara de Vereadores. O relatório dará também os números consolidados do ano. A audiência é o meio pela qual a comunidade pode acompanhar a execução da programação anual da saúde relativos a 2019 e os principais detalhes sobre recebimentos e aplicação dos recursos financeiros e prestação de serviços.

CARNAVAL – O Clube Atlético Baependi promove no dia 25, terça-feira, o carnaval infantil a partir das 14h, com animação do Dj Xalinho e tendo como atração o Robô Led. No local haverá food truck. Evento gratuito para sócios e não sócios a R$ 5,00. Até cinco anos é livre.

Centenário realiza a festa de rei e rainha - A Sociedade Desportiva Recreativa Rio da Luz II – Salão Centenário, realiza no dia 22, sábado, a festa de rei e rainha com baile, a partir das 18h com a concentração dos sócios e uma hora depois a busca das majestades, Muriel Cristo e Jehnefen Tonello (rei e rainha), Natalício Shimanski, David Horongozo, Cecília Schimanski e Tânia Fischer (cavalheiros e princesas). Aldoir Oldenburg será o comandante. O baile começa às 20h30min com a Banda GBD, posteriormente o Grupo Chama e para finalizar a noitada, o Grupo Talagaço. O valor por participante é R$ 35,00 com direito ao buffet, duas horas de bebidas livre (cerveja, refrigerante e água) e impresso para o baile. Quem for apenas para o baile pagará R$ 15,00.