Últimas colunas de Sônia Pillon

O retorno de Carlitos

Ele chegou com aquele jeito de sempre, girando a bengala com uma mão e coçando o bigodinho com a outra. Tudo estava tão diferente! Estranhou que todos usavam máscaras, mas seguiu caminhando pelo chão de fábrica...

Por Sônia Pillon

Ícones

É cada vez mais comum assistirmos comportamentos irresponsáveis de ícones da atualidade. Muitos ídolos se sentem acima da lei, inatingíveis, mas a Justiça deve sempre prevalecer.

Por Sônia Pillon

Um conto em preto e branco

Eu assistia toda a cena da janela do quarto, espiando pelo canto da cortina e com o coração aos pulos. A luz estava apagada e isso me protegia do fugitivo.

Por Sônia Pillon

As mais preciosas flores do reino

As irmãs Margarida, Violeta e Jasmim cresceram juntas e se tornaram muito unidas. O rei, que viu o coração amolecer com a chegada delas, decidiu contratar os mais renomados mestres para educá-las. Queria que elas aprendessem sobre todas as áreas do conhecimento.

Por Sônia Pillon

Onde estão as flores de dona Vicentina?

O muro está alto e não há nenhuma abertura visível para ver se sobrou alguma coisa das flores do passado. Tomo coragem e me dirijo a um homem que passava na hora, para saber quem mora lá. Conto das orquídeas, das rosas e seus perfumes...

Por Sônia Pillon

Tempos de intolerância

Vivemos numa época em que o diálogo parece ter pouco espaço. As redes sociais, cada vez mais polarizadas, se transformaram em trincheiras e ringues virtuais. O preconceito e a intolerância falam mais alto do que o bom senso.

Por Sônia Pillon

Heróis de verdade e de mentira

Muitas vezes, líderes de atuação controversa e figuras históricas duvidosas são equivocadamente colocados no patamar de "grandes homens", recebem estátuas, nomes de cidades, de ruas...

Por Sônia Pillon

Somos perspicazes?

Você, leitor, se considera uma pessoa perspicaz? É comum enxergar o óbvio. Em muitos momentos, conseguimos captar nas entrelinhas. A experiência também costuma ensinar, mas já se perguntou o que a vida está pedindo a você nesse momento?

Por Sônia Pillon

O brasão da família

Imagine uma festa natalina. Visualize aquela linda árvore colorida e iluminada com pisca-piscas, ao som do Jingle Bell, com todos sorrindo, se abraçando, se beijando, trocando presentes... Que imagem linda, não é mesmo? Que felicidade!

Por Sônia Pillon

A Despedida do Velho Guerreiro

Gostaríamos que o tempo fosse mais elástico, queremos prolongar os dias de convivência, mas não somos consultados sobre a partida. Não nos dão esse direito. E não importa se quem amamos tem idade avançada, porque o sentimento de perda é o mesmo.

Por Sônia Pillon

Onde está o rei?

Preocupado em se manter no trono e absolutamente inebriado pelo poder, Lealas se sente ameaçado pelas severas críticas ao seu reinado. O povo exige respostas do soberano, soluções urgentes, mas ele sumiu do castelo. Alguém o viu por aí?

Por Sônia Pillon

O canto do tuiuiu

No trajeto de caminhar vagaroso que fiz do pátio da pousada até ali, ouvindo meus passos a cada estalar da madeira trabalhada, tive uma rara visão. Era o tuiuiu! Como não reconhecer as penas pretas e reluzentes do corpo, contrastando com a cabeça de vermelho tão vivo?

Por Sônia Pillon
1 2 3