Qual a História do dia dos Pais?

Claudio Piotto

Professor Pesquisador, Mestre em Educação, Especialista em Planejamento Educacional e Docência do Ensino Superior, Historiador e Pedagogo. Entusiasta da Educação.

Ver artigos

Dia dos Pais na escola

A sociedade brasileira tem algumas tradições que em sua maioria não sabe por que; passam por gerações e são marcadas apenas por aparência, o que na escola é identificado imediatamente quando conhecemos os alunos. O papel do pai na formação do aluno cidadão é essencial e perceptivo quando essa criança tem bons exemplos e pode contar com tal presença. Quantos desempenham esse papel de maneira exemplar na formação de uma criança! Ser pai é ser presente, é ser bom exemplo, é compartilhar, é saber dizer não, é amar incondicionalmente. As datas comemorativas deveriam servir para fortalecer o respeito, criar vínculos e possibilitar amor de ambas as partes. A escola acaba sendo o centro acolhedor e os professores, exemplos para muitas crianças que não o possuem; por isso o professor tem muita responsabilidade no trato com seus alunos e não lhe é permitido ou aceitável que traia esse sentimento.

Comemoração do dia dos Pais em sua origem

Segundo registros históricos, a primeira comemoração dessa data nos remete ao ano de 1910 quando em 19 de junho, Sonora Louis Dodd prestou uma  homenagem ao seu pai William Jackson Smart. A partir de então essa data teve repercussão mundial. A marca inicial dessa comemoração teve início no século XX, com um veterano da Guerra Civil Americana que, após a morte de sua esposa, dedicou-se sozinho a criação de seus filhos. A homenagem da filha inicialmente ocorreu em sua cidade, Spokane (estado de Washington), no dia 19 de junho, data de aniversário de seu pai. O agradecimento ao pai pela sua dedicação, feito por seus filhos, acabou mobilizando outras pessoas da cidade que seguiram o exemplo e passaram a homenagear seus pais. Não demorou muito para que as homenagens aos pais nessa data tomassem conta do país, levando então o Presidente Richard Nixon, por vários motivos, tornar o terceiro domingo de junho o dia oficial de comemoração do dia dos pais, a partir de 1972. Essa explicação faz parte do contexto histórico dos Estados Unidos da América.

                                                               

Qual a história do dia dos Pais no Brasil?

O registro que trago refere-se à data de 16 de agosto de 1953, quando o Dia dos Pais foi comemorado pela primeira vez no Brasil. Diferente do surgimento da comemoração nos Estados Unidos, no Brasil a data foi pensada pelo publicitário Sylvio Bhering, à época diretor de rádio e jornal, que pensou na homenagem com objetivo comercial e social. O publicitário tentou vincular ao calendário litúrgico da Igreja Católica com a data, pois em 16 de agosto a Igreja Católica comemora o dia de São Joaquim, pai de Maria, mãe de Jesus Cristo. Essa tentativa de vínculo foi pelo motivo do Brasil ter em sua grande maioria da população seguidores da igreja católica. Essa data, com o passar do tempo, foi transferida e fixada no segundo domingo do mês de agosto, até os dias de hoje.

Dia dos pais em outros países

Em alguns países a data é totalmente idealizada sobre aspectos culturais específicos, e aqui cito países como Portugal, Espanha, Itália, Andorra e Bolívia que comemoram a data em 19 de março, seguindo a tradição católica, pois associa o dia dos pais ao dia de São José, esposo de Maria. As mais diferentes referências são utilizadas como marco para comemoração do dia dos pais, como no caso da Rússia, que usa o dia 23 de fevereiro, data que também comemoram o dia do Defensor da Pátria Local, com início em 1919.                                              saiba mais: FERNANDES, Cláudio. "História do Dia dos Pais"; Brasil Escola. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/datas-comemorativas/dia-dos-pais-1.htm.

Meu dia dos pais

Esta data é muito marcante, enquanto filho, meu pai faleceu quando eu tinha 6 anos e na escola sempre fugia, faltava nas datas de comemoração, não entendia.... Com o passar do tempo entendi que sempre teria meu Pai, porém de forma diferente, minha Mãe foi também meu pai, e que pai!!! Esse exemplo me inspirou e mostrou o que é ser pai, e que, o exemplo é o maior ensinamento. Também quero parabenizar a vocês, mães, avós, tios e muitos outros que se tornam pai por amor, acima de qualquer coisa. Não tenho palavras para expressar a felicidade em ser pai. Aqui nossa tbt de comemoração do dia dos pais na escola.