Criança precisa de atividade física

Vicente Caropreso

Médico e Deputado Estadual

Ver artigos

Crianças, normalmente, não ficam quietas, estão sempre em movimento, e isso é sinal de saúde - se a sua criança ficar muito quieta, apática, é sinal que alguma coisa pode estar errada com a sua saúde.

Para garantir que as crianças tenham um desenvolvimento saudável não basta apenas deixá-las se movimentar à vontade, é preciso que essa energia seja canalizada de forma correta: crianças devem fazer 1 hora de atividade física todos os dias.

Com a popularização dos jogos eletrônicos e da tecnologia de comunicação de hoje as crianças fazem cada vez menos exercícios, em consequência, as antigas modalidades de recreação como os jogos e outras brincadeiras que envolviam esforço físico, estão sendo cada vez mais substituídas por atividades sedentárias.

O resultado é que a falta de exercício, combinada a uma alimentação rica em açúcares, carboidratos e gorduras, causou uma epidemia de obesidade infantil e de crianças com sobrepeso: aproximadamente 15% das crianças brasileiras está obesa, e mais 30% delas apresenta excesso de peso.

A relação entre tempo de exercício gasto e obesidade é direta, pois em um sistema fisiológico que usa a gordura como combustível, a perda de calorias se alcança com atividades de longa duração. O parâmetro de tempo é de 40 minutos de exercício para cima.

Quando se fazem exercícios por mais de 40 minutos, o corpo queima gordura como combustível. Logo, fazer 1 hora de atividades físicas, de moderadas a intensas por dia, é a recomendação ideal para a perda de peso e para melhorar o condicionamento físico das crianças, evitando que cheguem à adolescência com problemas de peso.

Além do problema do controle de peso, a atividade física é recomendável também para o bom desenvolvimento dos músculos e ossos durante a fase de crescimento das crianças.

A atividade física infantil é um desafio que pais e educadores devem encarar com seriedade, pois a boa forma física é saúde e deve ser conquistada desde a infância.