Mesmo deixando o cargo, Moro continua recebendo os R$ 31 mil mensais

Celso Machado

Nascido em Blumenau, 68 anos, 53 de profissão, incluindo passagens pelo rádio. E em jornais diários como A Notícia (Joinville), Jornal de Santa Catarina (Blumenau) e O Correio do Povo (Jaraguá do Sul).

Ver artigos

Sergio Moro, ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, deixou o cargo em abril. Porém, continua recebendo o salário de R$ 31 mil pagos atualmente aos ministros do Governo Federal. E, se mantido, vai receber o benefício até outubro.

Mas, a Procuradoria Geral da União quer que o Tribunal de Contas da União suspenda o pagamento. Explica-se: Moro foi contratado como colunista da Revista Crusoé e do Jornal O Globo, quebrando a regra vigente.

Membros da cúpula governista são proibidos de prestar serviços à iniciativa privada por seis meses após a demissão, exoneração ou aposentadoria em razão de informações privilegiadas.

Por isso, a bonificação. No caso de Moro, haveria “indícios de descumpri- mento dos princípios da legalidade e da moralidade”. O ex-ministro está proibido de advogar, mas liberado para dar aulas e escrever artigos para a imprensa, autoriza- do que foi pela Comissão de Ética da Presidência da República.

Pagamento gratuito

É medida liminar, mas em Blumenau a Prefeitura e a empresa Blumob, concessionária do transporte público urbano, estão obrigados a manter a gratuidade para pessoas acima de 65 anos. Portadoras ou não de comorbidades. Um direito previsto no estatuto do Idoso e retirado na retomada do serviço na semana passa- da. O juiz Raphael de Oliveira e Silva Borges, da 1ª Vara da Fazenda Pública de Blumenau, entendeu que a restrição poderia ser feita se houvessem critérios claros de como será feita a avaliação, para evitar possível arbitrariedade na fiscalização.

Município quer R$2 milhões ao Estado para consertar Ilha da Figueira

Prefeitura de Jaraguá do Sul está cobrando reembolso prometido pelo governador Carlos Moisés (PSL) do que já foi e ainda será gasto na restauração de ruas importantes no Bairro Ilha da Figueira, destruídas pelo intenso trânsito pesado de carretas e caminhões causado por sucessivas interdições da SC-108, em Guaramirim. E cujas obras de recuperação se arrastaram por um ano e meio.

No total, R$ 2,561 mil, incluindo a recuperação do entroncamento das Ruas José Theodoro Ribeiro e Carlos Oeschler, já concluído. Próxima etapa é a Carlos Oeschler até o limite com Guaramirim. Aliás, à época Moisés garantiu repasse de R$ 3 milhões, incluindo o município vizinho.

Benefício ao motoristas de transporte de pessoas

É do senador Jader Barbalho (MDB/PA) projeto de lei concedendo benefícios aos profissionais do transporte urbano, incluindo taxistas e motoristas de aplicativos e vans escolares. Pelo período de seis meses eles pode-

para descobrir se eles têm uma reserva financeira suficiente para suas aposentadorias. E nunca esqueça de ajudar seus pais, seja financeiramente, se puderes, mas principalmente, de se fazer presente e ajudar como puderes.

Os artigos e colunas assinados são responsabilidade dos seus atores e não refletem, necessariamente, a linha editorial do jornal 

 

 

 

Notas

Partidos buscam mulheres para se lançarem em campanha - Com o veto às coligações proporcionais, partidos políticos têm feito uma corrida interna para ampliar o número de mulheres dispostas a se lançar em campanha. Como a nova regra obriga a partir deste ano que cada legenda tenha, de forma independente, ao menos 30% de nomes femininos nas urnas, partidos que não alcançarem esse percentual vão ter de barrar homens na eleição. Se a cota feminina não for alcançada, a lista de homens terá de ser reduzida na mesma medida e a chapa será então proporcional. Em eleições anteriores, quando a cota do gênero já estava valendo, mas o veto às coligações ainda não, os partidos se coligavam e valia a média de candidaturas femininas do bloco. Na prática, uma legenda podia salvar a outra. Agora é cada uma por si. E além de estabelecer uma percentagem mínima de candidaturas de mulheres, as regras eleitorais determinam que os partidos destinem ao menos 30% de sua verba do Fundo Eleitoral para as campanhas femininas. A corrida por mulheres candidatas está acontecendo em todos os partidos.

Escola de gastronomia organiza duas oficinas - O Chef Gourmet, escola de gastronomia sediada em Jaraguá do Sul, está organizando duas oficinas para capacitação de interessados no universo gastronômico. No dia 22, o chef e professor Gabriel Leoni fala sobre melhores cortes de legumes e verduras para várias preparações e também como congelá-los. Já nos dias 28 e 29, é a vez de a chef Dominique Conceição ensinar aos participantes os segredos da preparação de ovos de Páscoa. As inscrições podem ser feitas pelos telefones (47) 9 9115-8506 e 3055-0679. Para saber mais, basta acessar www.escolachefgourmet.com.br ou seguir as redes sociais da marca.

Secretaria de Saúde promove audiência pública - Os resultados do último quadrimestre serão apresentados à população pela Secretaria de Saúde de Massaranduba na segunda-feira (24), a partir das 9h30min, na Câmara de Vereadores. O relatório dará também os números consolidados do ano. A audiência é o meio pela qual a comunidade pode acompanhar a execução da programação anual da saúde relativos a 2019 e os principais detalhes sobre recebimentos e aplicação dos recursos financeiros e prestação de serviços.

CARNAVAL – O Clube Atlético Baependi promove no dia 25, terça-feira, o carnaval infantil a partir das 14h, com animação do Dj Xalinho e tendo como atração o Robô Led. No local haverá food truck. Evento gratuito para sócios e não sócios a R$ 5,00. Até cinco anos é livre.

Centenário realiza a festa de rei e rainha - A Sociedade Desportiva Recreativa Rio da Luz II – Salão Centenário, realiza no dia 22, sábado, a festa de rei e rainha com baile, a partir das 18h com a concentração dos sócios e uma hora depois a busca das majestades, Muriel Cristo e Jehnefen Tonello (rei e rainha), Natalício Shimanski, David Horongozo, Cecília Schimanski e Tânia Fischer (cavalheiros e princesas). Aldoir Oldenburg será o comandante. O baile começa às 20h30min com a Banda GBD, posteriormente o Grupo Chama e para finalizar a noitada, o Grupo Talagaço. O valor por participante é R$ 35,00 com direito ao buffet, duas horas de bebidas livre (cerveja, refrigerante e água) e impresso para o baile. Quem for apenas para o baile pagará R$ 15,00.