A criatividade é uma das suas marcas

Claudio Piotto

Professor Pesquisador, Mestre em Educação, Especialista em Planejamento Educacional e Docência do Ensino Superior, Historiador e Pedagogo. Entusiasta da Educação.

Ver artigos

Quem é a Professora Juliana Fávero?

Alguém em constante busca pelo aperfeiçoamento e, por isso, pretendo  na Educação, chegar a um projeto de diretrizes para o ambiente escolar entre espaço físico e digital. Buscando por um rumo em projetos escolares, pela construção de prédios de qualidade. A mudança na estrutura física e online das escolas, é refletido através da arquitetura escolar, recursos disponíveis, estéticas dominantes da atual estrutura e comunidade escolar. Paulo Freire afirma que ensinar não é transferir conhecimento, mas criar possibilidades para a sua própria produção ou a sua construção. O desejo de compartilhar a ensinar de forma dinâmica, tecnológica, estimulante e interativa é o que motiva minha sequência nos estudos. Planejar ou adaptar ambientes escolares através da arquitetura realiza o aprimoramento dos conhecimentos dos alunos através da interdisciplinaridade e projetos, mostra- se uma decisão muito acertada e coerente com uma nova geração de aprendizes que, apesar de bastante tecnológicos, querem sentir-se acolhidos sempre pelo espaço escolar.

O que ser professora para você?

Transformar as dificuldades e problemas do cotidiano em soluções dignas do mundo, é o meu legado como professora. Muitos dos problemas que temos enfrentado na educação nascem da forma como enxergamos, escutamos, e nos conectamos com o outro, ou ainda, por vezes, como deixamos de fazer tudo isso. A aprendizagem não deve ser somente técnica, pois todos carregamos uma bagagem pessoal e, para se desenvolver, o estudante não precisa apenas do apoio técnico, mas também do humano. A empatia certamente ajuda a ser mais criativa, mais inovadora e ter um pensamento sistêmico muito mais apurado. Quando olhamos para um problema, não apenas sob o nosso ponto de vista, mas considerando vários outros pontos de vistas, a chance de encontrar uma boa solução é bem maior. O ser humano é, na sua essência, mestre na arte de aprender algo que fazemos desde que estávamos ainda na barriga da mãe. É algo tão natural, orgânico e prazeroso quanto respirar. Certamente não há exagero algum na afirmação de que, aprender nas mais diversas formas em que isso pode ser feito é o que dá sentido à vida. O lado oposto dessa mesma moeda é ensinar. A vocação para ensinar certamente inclui a vontade de aprender. Essa combinação, somada à crença inabalável de que a educação transforma pessoas, que mantém acesa a chama para se dedicar à atividade docente, apesar de tantas turbulências. 

Quais suas marcas como Profissional? 

Facilidade em ter ideias criativas e inovadoras com minha formação em arquitetura, a aplicabilidade  dessas competências evidenciada na atuação como docente. O processo de planejar, executar e avaliar as situações de aprendizagens em que desenvolvo tem um olhar interdisciplinar, observando as necessidades da comunidade em volta e atenta ao processo de aprendizagem dos alunos e o espaço inserido seja em sala presencial ou online. Desenvolvo vários projetos de ambiente escolar em que o ensino favoreça o aprendizado mão na massa, com ênfase social e sustentável, alguns premiados a nível estadual e nacional citando os principais: Pia sustentável: fornecimento de água potável a comunidade gratuitamente. Espaço de Convivência Escolar muito importante para tornar o ambiente de trabalho mais agradável e favorecer o bom clima organizacional.

Nos conte alguns de seus feitos profissionais

Ao longo destes seis anos de educação e arquitetura, várias práticas interdisciplinares das minhas aulas, acabaram ganhando destaque e sendo selecionadas para produção de um livro intitulado Ensinar é Aprender organizado pelo SENAI- SC, que já está na 4ªedição, publicada pela editora Expressão. Na primeira edição conquistei 04 capítulos com os projetos: Pia Sustentável, Espaço de Convivência, Revitalização do Complexo Esportivo e Pebolim Humano, premiação em 2º lugar a nível estadual na categoria projeto individual. A segunda edição do livro um capítulo com o projeto Prédio Verde, premiação em 1ºlugar categoria individual. A 3ºedição fui convidada a fazer o prefácio do livro para falar aos docentes sobre a minha experiência em sala de aula com projetos integradores de cunho social e sustentável no espaço escolar, como eu planejo, executo e avalio, o que penso sobre o processo de aprendizagem criativa. Já na 4ªedição- 2020, estarei participando com um capítulo com o projeto ReCriar. Reconhecimento e premiação pelos projetos de extensão e ensino Casa Lego e TEC- Transporte Eficiente de Compras. No último ano 2019, tenho me dedicado a publicação de artigos, pôsteres, ministrando cursos na área de educação e gestão de projetos pela graduação e pós-graduação. Atualmente com projeto em aprovação final na Fapesc-SC de pré- encubação na área de educação para a comunidade escolar. Participação em cursos e capacitações de: Responsabilidade Socioambiental, Google Apps for Education, Trilha de Desenvolvimento Pedagógico, Audiodescrição, Libras. Apresentação e participações em Congresso de Sustentabilidade, Seminário de Pesquisa em Gestão, Tecnologia e Educação, INOVA, Desafio Construção e Edificação, como forma de atualização intelectual e profissional.   

Sua formação

Sou Graduada em Arquitetura e Urbanismo (bacharelado) pela Universidade do Oeste de Santa Catarina. MBI em Educação para o Profissional do Futuro (SENAI-SC) . Especialização em andamento na área Educação a distância: Gestão e Tutoria e MBA em Gestão de Projetos. Curso na área de  Responsabilidade Socioambiental. Atualmente atua como Arquiteta Especialista em Arquitetura Escolar e Professora especialista no SENAI/SC -Jaraguá do Sul. Tenho experiência na área de Projetos Arquitetônicos, Planejamento Urbano, Projetos de Infraestrutura: Asfáltico, Drenagem Pluvial e Esgoto. Na Educação: Ambiente Escolar, Tutoria EAD, Tecnologias Digitais na Educação, Design Thinking, Criatividade e Inovação, Metodologias em Gestão de Projetos Sustentáveis. Atuando principalmente nos seguintes áreas: Sustentabilidade de Materiais, Logística Reversa, Economia Social, Técnicas Construtivas; Ensino de jovens e adultos presencial e online. Na indústria coordenou áreas ligadas a Engenharia Civil e Arquitetura, nos setores de projetos e execução, com ênfase em gestão de projetos, orçamentos, materiais e planejamento.

As imagens pertencem ao arquivo pessoal da professora.