Política

Povo vai às ruas e se manifesta em apoio ao governo Bolsonaro

Foto: Divulgação

Uma manifestação democrática e pacífica foi registrada no domingo em atos de apoio à pauta nacional e ao presidente Bolsonaro. Em Jaraguá do Sul o Movimento Vem pra Rua reuniu em torno de três mil pessoas, segundo cálculos, onde se misturaram pessoas de todas as classes, desde idosos a crianças, vestidos com as cores verde e amarelo e portando faixas e cartazes em apoio ao pacote anticrime do ministro Sérgio Moro, à reforma previdenciária, apoio a Operação Lava Jato e a abertura da Lava Toga. Alguns cartazes pediam a Coaf com Moro, a prisão em segunda instância e a faxina nos três poderes, além da votação nominal da MP 870, que reorganiza os Ministérios. A concentração se deu na Praça Ângelo Piazera, fundos do Museu Municipal, tradicional ponto de encontro das manifestações, de onde seguiu a caminhada pelas ruas centrais de modo ordeiro e pacífico, com acompanhamento da Polícia Militar.

Os organizadores se manifestaram conclamando os participantes a apoiarem o governo de Bolsonaro. Chamou à atenção, também, a presença do Padre Osnildo Carlos Klann, que no alto dos seus mais de 80 anos e longa experiência presbiteral, criticou o comunismo e pediu que jamais o Brasil caísse no regime totalitário. Foi uma manifestação pelo Brasil, pela democracia e pelo futuro da nação. Foi um recado direto aos governantes em prol da democracia e da responsabilidade, para deixar o país “andar” com as mudanças necessárias. Segundo números divulgados na noite de domingo, a manifestação esteve presente em mais de duas centenas de cidades polo em 26 Estados e mais o Distrito Federal. Historicamente, Jaraguá do Sul tem sido protagonista de atos nos últimos anos pelas mudanças.