Coronavirus,Geral,Guaramirim

Guaramirim adquire 75 mil seringas para iniciar vacinação contra a covid-19

Foto: Arquivo/Divulgação

Leonardo Koch

Jornalista formado com experiência em jornal impresso, digital e audiovisual

A Prefeitura de Guaramirim e Secretaria de Saúde estão preparando todos os detalhes para a imunização contra o coronavírus, assim que a vacina for definida pelo Ministério da Saúde.

Apesar de ainda não ter uma data para início da vacinação, o município já conta com locais adequados para conservar as vacinas em todas as unidades de saúde que possuem sala de vacinação e adquiriu mais de 75 mil agulhas e seringas.

Conforme a secretária Cheila Patricia Rohweder, o município está se antecipando e organizando para que, assim que as doses forem disponibilizadas, possa iniciar a imunização.

“Guaramirim conta com conservadoras (equipamento especialmente projetado para armazenar e refrigerar as vacinas) em todos os postos de saúde com sala de vacinação, isso nos dá tranquilidade para armazenar as futuras doses e também garante a segurança da vacina”, diz.

Cheila salienta também que Guaramirim reforçou o estoque de seringas e agulhas.

“Desde o início da pandemia estamos lutando contra o coronavírus e realizando uma série de ações que buscam o enfrentamento dele, agora estamos deixando toda a estrutura organizada para iniciar a vacinação assim que for liberada”, diz. Guaramirim possui oito unidades de saúde com sala de vacinação completa. 

Cheila explica que o município seguirá o Plano Estadual de Vacinação contra a Covid-19, apresentado pelo Governo de Santa Catarina, iniciando a imunização para pessoas com 75 ou mais e profissionais da saúde. Depois, seguindo os demais grupos prioritários.

A Saúde deve ainda montar um esquema diferenciado para a vacinação, evitando aglomerações e aumentando a segurança de todos. A expectativa agora é para que o Ministério da Saúde defina a vacina aplicada e libere a distribuição aos municípios.

Confira as etapas de vacinação do  Plano Para Campanha de Vacinação Covid-19 em Santa Catarina:

1ª fase:
Trabalhadores de Saúde
Pessoas de acima de 75 anos 2
Pessoas de 60 anos ou mais institucionalizadas
População indígena

2ª fase:
Pessoas de 60 a 74 anos

3ª fase:
Pessoas que apresentam alguma comorbidade* 
*Diabetes mellitus; hipertensão; doença pulmonar obstrutiva crônica; doença renal; doenças cardiovasculares e cerebrovasculares; indivíduos transplantados de órgão sólido; anemia falciforme; câncer; obesidade grave (IMC≥40).

4ª fase:
Professores
Profissionais das forças de seguranças e salvamento e funcionários do sistema prisional

 

Receba as notícias do JDV no seu WhatsApp!