POLITCIA & POLITICOS

Celso Machado

Nascido em Blumenau, 68 anos, 53 de profissão, incluindo passagens pelo rádio. E em jornais diários como A Notícia (Joinville), Jornal de Santa Catarina (Blumenau) e O Correio do Povo (Jaraguá do Sul).

Ver artigos

Agora, vai?

Até o final desse mês de janeiro a secretaria estadual da Infraestrutura e Mobilidade deve anunciar o custo das obras de revitalização da SC-108, entre Guaramirim e Massaranduba. Da secretaria vem a informação de que o projeto executivo da obra está pronto. Porém, antes de ser licitado é preciso garantir os recursos. Em 2013, uma obra do gênero, entre Massaranduba e Vila Itoupava (Blumenau) teve a ordem de serviço assinada pelo governador Raimundo Colombo (PSD) em ato no Posto Pacheco. A um custo de R$ 1,9 milhão. Mas o que fizeram na rodovia à época foi tapar os buracos maiores. E só!

Pacto por SC- A obra era parte do chamado Pacto Por Santa Catarina, que previa investimentos da ordem de R$ 3 bilhões vindos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômica e Social em projetos a projetos nas áreas de infraestrutura social, econômica e ambiental, geradores de emprego e renda e infraestrutura de logística de transportes, (a menor parte) para a recuperação das principais rodovias estaduais, na maioria, à época, já em estado precário. Do montante, cerca de R$ 1 bilhão foram usados para pagar dívidas da Celesc.

Andando- Mas, se serve de consolo, a revitalização do trecho urbano da BR-280, entre Guaramirim e Jaraguá do Sul, embora com alterações em relação ao projeto original, está andando. Bancado pelo Estado, vai custar R$ 103 milhões, garantidos pelo governador Carlos Moisés (PSL). Do total, R$ 3 milhões para a Azimute, empresa de Joinville contratada para fiscalizar a execução da obra e (coincidência?) que também fez o projeto básico de engenharia em 2012. Sim, obras públicas federais e estaduais, além da fiscalização do próprio contratante exigem, na modalidade de licitação, a fiscalização de uma empresa privada.

 

Acordo firmado ainda em 2016, para a presidência da Câmara, entre o então prefeito eleito Antídio Lunelli (MDB e os vereadores da sua base de apoio no Legislativo, foi mantido pelo voto. O tucano Isair Moser assume o comando nesse primeiro semestre. Porém, Eugênio Jurazeski (PP), eleito vice-presidente, não assume a partir de julho e, sim, o colega de partido Celestino Klinkoski, primeiro secretário da Mesa Diretora. O que vai exigir uma nova eleição.

A votação rachou a bancada tucana. Moser não teve apoio do colega Ademar Winter, que lançou sua própria candidatura e levou dois votos: o dele e do ex-secretário da Educação, Rogério Jung (PMDB), exonerado da função em 2019 pelo prefeito Lunelli. Ronaldo Magal (PSD) garantiu a segunda secretaria da Mesa (9 votos) votando em Moser. Só lembrando, PSDB e PSD formaram na chapa majoritária de Jair Pedri na disputa pela prefeitura em 2016.

Em 2017, pelo mesmo acordo entre o prefeito e a bancada governista, Pedro Anacleto Garcia (MDB), líder do governo no Legislativo, assumiu a presidência da Câmara. Em 2018 foi a vez de Anderson Kassner (PP) e em 2019, Marcelindo Grunner (PTB). Todos os atuais vereadores e o prefeito Antídio Lunelli (MDB) disputam a reeleição em outubro. A legislação eleitoral vigente proíbe coligações nas eleições proporcionais. Assim, é cada um por si e salve-se quem puder.

 

Confirmado- Jair Bolsonaro vem a Florianópolis dia dois de fevereiro, que visitou em outubro do ano passado (FOTO) para a aula magna do curso de formação de policiais rodoviários federais. Mas, dessa vez, para tratar exclusivamente (a princípio) da coleta de assinaturas destinadas à criação do partido Aliança Pelo Brasil. São necessárias 492 mil assinaturas para que o APB possa pedir registro no TSE. Bolsonaro começa roteiro pelo país no sábado (18), por Brasília e João Pessoa. Para as eleições de outubro o prazo final de registro é março.

Santo forte- Governador Carlos Moisés (PSL) abre o segundo ano de seu mandato sem ameaças de greve no magistério ou outros setores da coisa pública. O que também ocorreu no ano passado, o que também é muito bom para o contribuinte. Ao contrário de seus antecessores que, tradicionalmente, enfrentaram paralisações já no início de suas gestões.

A conferir- Mas é provável que em fevereiro, quando a Assembleia Legislativa retomar a discussão do projeto de reforma da Previdência dos servidores estaduais, a atual calmaria mude para tempestades. O governo precisa, urgentemente, equacionar um rombo de R 3 bilhões, o que implica em contribuição a maior dos servidores. E mais anos trabalhados para a aposentadoria.

 

 

Notas

Regularização do Simples Nacional termina no dia 31 - Quem foi excluído do SN em 2019 têm até 31.01 para regularizar as pendências e fazerem uma nova adesão ao regime, desde que não haja débito com a RF ou a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional. O prazo também se aplica aos empresários interessados em aderir ao regime pela primeira vez. Caso contrário, o ingresso acontecerá somente no próximo ano. Ao optar pelo Simples Nacional, o empresário tem a oportunidade de pagar oito tributos, entre municipais, estaduais e federais, de uma única vez, reduzindo os custos tributários. Também fica livre de obrigações acessórias com vencimentos distintos, reduzindo a burocracia para administrar o negócio. Para empresas em início de atividade, o prazo para a solicitação é de 30 dias contados do último deferimento de inscrição (municipal ou estadual, caso exigível), desde que não tenham decorridos 180 dias da data de abertura constante do CNPJ (para empresas abertas até 31/12/2019) ou 60 dias (para empresas abertas a partir de 01/01/2020). A adesão será exclusivamente pela internet, por meio do Portal do SN.

Fundador da Condor na plenária da CDL de janeiro - A primeira plenária mensal da Câmara de Dirigentes Lojistas está marcada para o dia 31, a partir das 12h15min, no Clube Atlético Baependi. A entidade recebe o fundador da Rede Condor Hipermercados, Joanir Zonta, que inaugurou moderna loja em 2019, na Vila Lenzi. Ele participa do quadro ‘Varejando’, espaço dedicado ao compartilhamento de boas práticas de varejo. Além disso, a reunião ainda conta com o lançamento do segundo ciclo do programa de mentoria da CDL e terá explicação sobre o PIT (Programa de Iniciação ao Trabalho). O encontro é destinado a associados, que podem confirmar presença pelo e-mail [email protected] ou pelo (47) 3275-7070.

Estudantes de Massaranduba já podem se inscrever no programa Bolsa Transporte

A partir desta quinta-feira (16/1), os estudantes de cursos do ensino superior ou nível médio profissionalizantes de Massaranduba já podem se inscrever no programa Bolsa Transporte para o primeiro semestre de 2020, que prevê o auxílio de até 100% no transporte escolar. O prazo para a inscrição é até 16 de fevereiro para bolsas de 100% ou 75% e até 31 de maio para 50%.

Para ter acesso ao programa é preciso fazer a inscrição através do site http://sistema.portalave.com.br/universitário, através do simulador de cálculos e envio de documentos (conforme edital disponível no site do município

Dico e Celestino dividirão presidência da Câmara este ano

Jaraguá do Sul - Desde o dia 1º de janeiro, Isair Moser, o Dico, do PSDB, é o presidente da Câmara de Vereadores. Ele recebeu nove votos contra dois para Ademar Winter, que votou em si e recebeu também de Rogério Jung, do MDB. O vice-presidente é Eugênio José Juraszek (PP), 1º secretário Celestino Klinkoski (PP) e 2º secretário Ronaldo Magal de Souza (PSD).

A eleição de Moser seguiu acordo firmado em 2016, após a eleição municipal. Em 2017 o presidente foi Pedro Garcia, em 2018 Anderson Kassner e no ano passado, Marcelindo Carlos Gruner, que se despediu no dia 31 de dezembro.

Estrutura da Secretaria de Educação muda de endereço-A Secretaria de Educação de Guaramirim está agora atendendo junto à Secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação, localizado na Rua Irineu Vilela Veiga, 222, Centro. O telefone de contato é 3373-3397. A mudança ocorreu pelo fato de que em 2020 inicia a construção da nova estrutura da Escola Municipal de Educação Fundamental Dorvalino Felipe e, neste período, os alunos serão realocados para estudar no prédio da Secretaria de Educação, na Rua 28 de Agosto. A decisão de levar a Educação para atender no mesmo local do Desenvolvimento Social é para otimizar o espaço e economizar com aluguel. Com isso, a Defesa Civil e os Bombeiros Militares, que antes utilizavam salas na Secretaria de Desenvolvimento Social passaram a atender junto à Fundação Cultural.

Agenda

Ver todos