POLÍTICA & POLÍTICOS

Celso Machado

Nascido em Blumenau, 68 anos, 53 de profissão, incluindo passagens pelo rádio. E em jornais diários como A Notícia (Joinville), Jornal de Santa Catarina (Blumenau) e O Correio do Povo (Jaraguá do Sul).

Ver artigos

A culpa é da chuva - Assim se pode resumir as explicações do chefe da Defesa Civil Estadual, João Batista Cordeiro Júnior, a quem foi ouvi-lo na segunda-feira (4) no Centro Empresarial de Guaramirim sobre o atraso nas obras de contenção da pista da SC-108, interditada desde 18 de fevereiro. Desde 12 de agosto, nas contas de João Batista, apenas 25% dos dias trabalhados foram de tempo favorável. Os restantes 75% com chuvas. Teria toda razão se o trabalho tivesse começado agora. Serão mais 45 dias, até 27 de dezembro. E não mais 12 de novembro.

Não sabiam?- Ora, com tanta tecnologia disponível sobre previsões do tempo e, pasmem, em se tratando da Defesa Civil Estadual, não é possível admitir que tantos dias de chuva, como alegou João Batista (e se é que isso ocorreu mesmo na região) não fossem de conhecimento do órgão. Que tem na Epagri, uma empresa estadual, um canal direto de informações sobre o clima em todas as regiões de Santa Catarina em períodos de até três meses. Menos mal que o aditivo ao contrato original será só de prorrogação de prazo. E não de custos.

Com placa- Governador Carlos Moisés (PSL) vai sancionar projeto de lei aprovado na Assembleia Legislativa obrigando que em toda obra pública estadual seja colocada uma placa informando o porquê de eventual paralisação. Contendo, ainda, a data do início da obra e quantas vezes já parou. Aliás em SC também é lei a proibição de se inaugurar obra inconcluída.

Abrigos- Até o fim do ano mais 70 abrigos de passageiros de ônibus urbanos de Jaraguá do Sul devem ser trocados por novo modelo. Outros 50 já foram substituídos. No total, eram 200 em situação ruim entre os 630 existentes, já que há muitos pontos ainda a céu aberto. Não é um modelo que se pode chamar de uma “brastemp”, mas bem melhor que a estrutura antiga.

Mudanças no Código- A Comissão Especial da Câmara dos Deputados analisa o projeto de lei do governo que altera o Código de Trânsito Brasileiro. Entre outras medidas, dobra a pontuação que condena o motorista a ter suspensa a Carteira Nacional de Habilitação, amplia o prazo de validade do documento de habilitação e ameniza a punição para quem não transportar crianças em cadeirinhas. O texto também propõe o fim da exigência de exame toxicológico para motoristas profissionais. E dobra o tempo de validade da CNH para motoristas acima de 65 anos. Ontem a proposta foi tema de audiência pública em Brasília.

Pode, isso?- Saiu da pauta de julgamento do Supremo Tribunal Federal o julgamento da legalização de todas as formas de drogas existentes, a tal descriminalização. Segundo o ministro Gilmar Mendes, que retirou de pauta o assunto, seria inconstitucional proibir porque isso fere o direito de “ir e vir”.

Podemos- Candidato a presidente da República em 2018, o senador paranaense Álvaro Dias obteve votação pífia, apenas 859.463 votos. Bem menos que um senador eleito por Santa Catarina. Entretanto, aqui no Estado, plantou as semente do Podemos. Que, provavelmente, será presidido pelo ex-deputado federal Paulo Bornhausen, ex-PSB. Na vizinha Pomerode, por exemplo, o vereador Deoclides Correa, eleito pelo PSDB em 2016 é líder do partido na Câmara.

Impasse- Deputado federal e presidente estadual do PSL, Fabio Schiochet, sempre que pode, percorre o Estado em companhia do governador Carlos Moisés (PSL). Schiochet é um “bolsonarista” de carteirinha, mas Moisés não perde oportunidades de jogar pedras no presidente e seus filhos. Sobre a saída de Bolsonaro do partido (como ele mesmo adiantou), Moisés já disse que fica. Então, ou Schiochet fica com Moisés ou vai com Bolsonaro?

Notas

Samae implanta ramal de esgoto na Rua José Narloch - O Samae iniciou ontem (18), mais uma obra para de implantação de rede de coleta com o objetivo de cumprir a meta de atingir os 90% de tratamento de esgoto sanitário no município em 2020. A implantação da rede e os ramais que ligam às residências na Rua José Narloch vai acontecer por um período de aproximadamente duas semanas – dependendo das condições climáticas –, num trecho de 800 metros entre as Ruas Afonso Benjamin Barbi e Dorval Marcatto. As intervenções devem ser no horário das 7h30 às 17h, período em que o trânsito fluirá em meia pista. Motoristas poderão utilizar desvios pelas Ruas Francisco Hruschka e Adelina Klein Ehlert. Após a conclusão das obras, a rua será repavimentada pela Prefeitura.

Prefeitura vai adquirir novo lote de estufas à agricultura familiar - A Secretaria de Desenvolvimento Rural e Abastecimento, por meio do Fundo Municipal de Incentivo ao Desenvolvimento Rural e Agricultura, lançou edital para registro de preços para seleção de propostas à aquisição de conjuntos de abrigos para produção agrícola (estufas) ao longo de 12 meses, destinados para incentivo à agricultura familiar de Jaraguá do Sul. Os envelopes com a documentação e as propostas devem ser entregues até o dia 27 de novembro. O valor máximo do orçamento é R$ 401.950,00. O Município vai adquirir várias unidades de abrigo para produção agrícola, com tamanhos diferentes e sistema de gotejamento para os canteiros, inclusive a cobertura. É o chamado cultivo protegido. Lançado em 2017, o Projeto Cinturão Verde é dividido em etapas. Já foram entregues estufas em 2018 e 2019 de tamanhos variados. Os participantes recebem capacitação, orientação e assistência técnica quanto a questão do plantio, do cultivo e a colheita. E também a organização do grupo de produtores.

Eleitos, Machado e Demarchi vão dirigir o IFSC Centro e Rau - O professor José Roberto Machado foi eleito diretor-geral do Campus Jaraguá do Sul-Centro. O novo diretor teve 419 votos de alunos, 17 votos de técnicos-administrativos e 37 de docentes, conquistando 52,82% dos votos válidos. Em segundo lugar ficou o candidato Élson Quil Cardozo, que somou 121 votos discentes, 24 votos de técnicos e 11 professores, alcançando 29,58% dos votos válidos. Servidores e estudantes participaram da votação realizada na quarta-feira, dia 13 de novembro. No IFSC Campus Rau, o candidato Delcio Luís Demarchi foi eleito o diretor-geral obtendo 57 votos de alunos, 23 votos de técnico-administrativos e 28 de docentes, conquistando 37,01% dos votos válidos. Por uma margem bastante pequena ele ficou à frente do candidato Gerson Ulbricht, que somou 39 votos discentes, 12 votos de técnicos e 26 professores, alcançando 36,90% dos votos. O resultado oficial foi divulgado na página oficial das eleições. A homologação do resultado deverá ocorrer no dia 16 de dezembro. A homologação é dada pelo Conselho Superior do IFSC. O mandato deverá iniciar em abril de 2020

Vereador defende grupo de brigadistas para escolas e creches - A necessidade de mais atenção quanto à segurança nas Escolas e Centros de Educação Infantil, no que se refere à prevenção de incêndios e outras possíveis ocorrências semelhantes, foi levantada na Câmara. Gruner mencionou a possibilidade de organização de um trabalho com medidas preventivas nas unidades educacionais. “Em caso de incêndio em uma escola, que atitudes devem ser tomadas pelos professores? Temos que criar mecanismos para que as pessoas possam ficar seguras”, ponderou, acrescentando que vai encaminhar ao Executivo uma indicação, com minuta de projeto, para criação de grupo de brigadistas para atender escolas com trabalhos de orientação e simulados de ocorrências. “A prevenção é a melhor arma”, alertou. Segundo Gruner o assunto foi debatido durante uma reunião com munícipes, em seu gabinete.

Município vai reformar escola e adquirir brinquedos às crianças - O Governo Municipal lançou edital para contratação de pessoa jurídica para prestação de serviços de engenharia com fornecimento de materiais e mão de obra, para reforma em uma área de 2.057,30 m² para troca de cobertura, de instalações elétricas e de cabeamento estruturado, na Escola Rodolfo Dornbusch, localizada na Rua Professor Irmão Geraldino, Bairro Vila Lalau.

As propostas devem ser entregues até o dia 29 de novembro, com abertura na mesma data. O valor máximo da contratação é de R$ 1.831.905,06. Outra licitação é para a compra de brinquedos diversos às escolas de educação básica e centros de educação infantil. As propostas serão abertas no dia 3 de dezembro. O valor de referência (orçamento) é de R$ 1.022.955,20.

Agenda

Ver todos