POLÍTICA & POLÍTICOS 23.07.2019

Celso Machado

Nascido em Blumenau, 68 anos, 53 de profissão, incluindo passagens pelo rádio. E em jornais diários como A Notícia (Joinville), Jornal de Santa Catarina (Blumenau) e O Correio do Povo (Jaraguá do Sul).

Ver artigos

In memorian 1 - A foto, do arquivo exclusivo do JDV feita em 26 de junho de 2014, mostra todos os ex-prefeitos eleitos de Schroeder (exceto Helmuth Hertel, falecido em 18 de agosto de 2009), durante confraternização habitual entre aqueles que já ocuparam a chefia do Executivo do município. Mas, agora, já são dois a menos na foto: Ludgero Tepassé, que morreu em agosto de 2018 e Aldo Romeo Pasold, 75 anos, que faleceu no sábado (20). Aldo foi vereador (1965/1970) e presidente da primeira Câmara de Vereadores eleita pelo voto direto.

In memorian 2 - Foi, também, prefeito de Schroeder por duas vezes (1970/1973 e de 1983 a 1989). Além de presidente da Federação Catarinense dos Municípios, secretário-executivo da Associação dos Municípios do Nordeste de Santa Catarina e da Associação dos Municípios do Vale do Itapocu. Também exerceu os cargos de presidente da Sociedade Vitória e secretário-executivo da Igreja Evangélica de Confissão Luterana no Brasil. Após velório na Igreja da Paz, com grande presença de políticos, amigos e da comunidade, o corpo de Pasold foi cremado em Jaraguá do Sul.

Mudando de novo - Deputado estadual Ivan Naatz, de Blumenau, está saindo do PV. Alega que com a cúpula estadual do partido não há mais diálogo possível. Contratou advogado (para garantir o mandato), filho do senador Jorginho Mello, presidente do PL e para onde o parlamentar deve seguir. Eleito com míseros 14 mil votos, Naatz (também advogado), que já passou pelo PDT e Patriota, está a caminho da quarta filiação partidária.

Manda Brasa - Por R$ 35,00, filiados do MDB e interessados por fatos da política catarinense, podem comprar o livro eletrônico (E-book) “MDB/PMDB de SC 50 anos – 1966-2016”. A publicação tem 333 páginas e conta os principais fatos políticos ligados ao partido neste meio século de existência no Estado. Do antigo “Manda Brasa” ao PMDB. No endereço [email protected]

Homenagem - Negros, italianos, alemães, húngaros e poloneses, das etnias que ajudaram a colonizar Jaraguá do Sul e, por extensão, o Vale do Itapocu, serão homenageados em sessão solene da Câmara de Vereadores hoje (23), às 19 horas. Os húngaros foram os únicos que vieram diretamente daquele país para a localidade de Garibaldi, em 1891. Na quinta-feira (25) Jaraguá completa 143 anos de fundação, mas o feriado, por decreto do prefeito Antidio Lunelli (MDB) foi transferido para dia 29.

A punição à venda irregular de combustíveis será mais rigorosa em Santa Catarina tão logo o governador Carlos Moisés (PSL) sancione projeto do deputado Fernando Krelling (MDB/Joinville) aprovado pela Assembleia Legislativa. Aliás, já era hora de se buscar punições mais severas para proprietários de postos desonestos, embora a proposta não preveja prisão preventiva para um claro caso de crime contra a economia popular. O projeto determina o cancelamento, por cinco anos, do Cadastro de Contribuintes a quem usar meios eletrônicos para fraudar a real quantidade de combustível colocada nos tanques dos veículos comparado àquilo que o consumidor está pagando. Distribuidores e donos de postos que trabalham às claras, de forma honesta, aplaudiram o deputado e nem poderia ser diferente.

Pagando - Servidores públicos estaduais receberam na sexta-feira (19) 25% da primeira parcela do 13º. Isso representa R$ 216.673.352,70 pagos a 149.088 servidores civis e militares da administração direta, autarquias e fundações do poder Executivo, além de pensões previdenciárias, Outros 25% da gratificação natalina serão creditados na conta no dia 19 de agosto. A terceira e última parte será quitada até dia 17 de dezembro, totalizando algo ao redor de R$ 900 milhões.

Autistas 1 - Lei aprovada pela Assembleia Legislativa, instituindo a Carteira de Identificação do Autista, foi sancionada pelo governador Carlos Moisés(PSL). A proposta, do deputado Mauro de Nadal (MDB), permitirá acesso prioritário aos estabelecimentos públicos e privados, empresariais, comerciais, industriais, fabris, de serviços, hotéis, cinemas, supermercados, bancos, farmácias, restaurantes, casas de espetáculos, clubes e shopping centers, etc.

Autistas 2 - Assegurando direitos reconhecidos, já que o transtorno não é facilmente identificado. E, por isso, é comum que estabelecimentos comerciais não estejam preparados para atendê-los. No âmbito dos municípios de SC, provavelmente Jaraguá do Sul foi pioneira em projeto do vereador Anderson Kassner (PP) aprovado pelo Câmara. Há poucos dias o prefeito Antídio Lunelli (MDB) entregou as primeiras carteiras para autistas cadastrados.

Troca troca - É provável que o senador Jorginho Mello (PL) estique as férias de julho . Dando lugar por uns dias à primeira suplente e viúva de Luiz Henrique da Silveira (MDB), Ivete Appel da Silveira (MDB). É só um faz de conta, nos dois casos, remunerado é claro. A suplente, de família pra lá de abastada, recebe pensão mensal em torno de R$ 15 mil, a metade do que cabe aos ex-governadores ainda vivos. Está na Constituição do Estado. Em 2017 a Assembleia Legislativa pôs fim a esta excrescência. Porém, valendo só a partir de 2018.