POLÍTICA & POLÍTICOS

Celso Machado

Nascido em Blumenau, 68 anos, 53 de profissão, incluindo passagens pelo rádio. E em jornais diários como A Notícia (Joinville), Jornal de Santa Catarina (Blumenau) e O Correio do Povo (Jaraguá do Sul).

Ver artigos

Governador 1- O nome do prefeito Antídio Lunelli (MDB) começa a ser visto como um candidato em potencial a governador em 2022 dentro do próprio partido, em opção por um empresário bem sucedido. Em 2018, a ala do então deputado federal Mauro Mariani, ele próprio protagonista de um desastre eleitoral, defenestrou o empresário e prefeito de Joinville Udo Döhler, eleito em 2012 e reeleito em 2016, que pretendia disputar a majoritária. Udo faz parte do conselho consultivo de Antídio. E, além disso, o MDB não tem- e, pelo visto, não terá- um nome consistente. Mas tudo vai depender da reeleição de Antídio em 2020.

Governador 2- Mas a aproximação evidente de deputados do MDB com o governador Carlos Moisés (PSL) já se configura como obstáculo a ser superado. Moisés, salvo acidente de percurso, será candidato a reeleição com apoio de emedebistas. Enfraquecendo uma candidatura própria e dividindo o partido. Isolado da maioria dos parlamentares da bancada do PSL, Moisés não esconde a pretensão de dar ao MDB a liderança de seu governo na Assembleia Legislativa. Romildo Titon, deputado em sexto mandato na Assembleia, diz que ele e outros do partido entenderam o recado das urnas e, por isso, apoiam o governador.

Macrodrenagem - Em janeiro de 2009 (governo Cecília Konell) um grupo de trabalho constituído por representantes da Prefeitura, segmentos da sociedade, empresários e Câmara de Vereadores abriu estudos para construir projeto de macrodrenagem voltado à área urbana da cidade. Visando minimizar os efeitos de chuvas torrenciais. Era o reflexo direto da tragédia do ano anterior (2008). Mas, dez anos depois só medidas paliativas que pouco funcionam. Exceto obras pontuais, até hoje, com chuvas como a de domingo (3) os alagamentos se repetem nos mesmos lugares.

Macrodrenagem 2- Na verdade, o problema vai além das bocas-de-lobo eventualmente entupidas, está exatamente abaixo delas, com tubulações obsoletas para uma cidade impermeabilizada pelo asfalto. O conceito vigente de drenagem urbana está totalmente ultrapassado, até porque o que ocorreu no domingo não foi consequência de rios cheios. Ao contrário. Por isso, é preciso que se tenha um diagnóstico completo de tudo aquilo que não se vê na superfície do solo. Foi o que se pretendeu em 2009 e que até hoje não temos.

A conta- R$ 22.800 (zeladoria), R$ 43.405 (garçons), R$ 22.716 (copeiras), R$ 31.702 (jardinagem), R$ 32.685 (cozinha/refeições), R$ 42.921 (limpeza). Esta é a conta (a nossa conta), até outubro, das despesas da Casa D’Agronômica, residência oficial do governador. Está tudo lá no Portal da Transparência do governo do Estado.

Alarmante- A Comissão de Educação do Senado, presidida pelo senador Dario Berger (MDB) vai discutir o novo Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação, o Fundeb. E não é para menos: até setembro deste ano, quase 4 mil professores da rede estadual de ensino pediram afastamento por motivos de saúde. Uma média de 25 pedidos por dia aula.

Drogas- O Supremo Tribunal Federal deve julgar a descriminalização ou não da maconha e outras drogas entorpecentes. Ou seja, se usar é ou não um crime já que se trata de ilícitas. Como defende o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB), um usuário confesso. O Brasil não tem critérios objetivos quanto a quantidade para caracterizar uso pessoal ou tráfico.

Mulheres do PP- Dia 11 de novembro, em Florianópolis, encontro das Mulheres Progressistas para, segundo convite, “unir forças e garantir nossa representatividade”. Na prática, a realidade é outra. Em 2018, o PP de lá lançou cinco candidatos a deputado federal: quatro homens que, juntos, fizeram cerca de 4,5 mil votos. A única mulher, Ângela Amin, com cerca de 20 mil votos. Muito pouco para quem já foi prefeita da Capital duas vezes. Porém, protegida de concorrentes do próprio partido.

Notas

Samae implanta ramal de esgoto na Rua José Narloch - O Samae iniciou ontem (18), mais uma obra para de implantação de rede de coleta com o objetivo de cumprir a meta de atingir os 90% de tratamento de esgoto sanitário no município em 2020. A implantação da rede e os ramais que ligam às residências na Rua José Narloch vai acontecer por um período de aproximadamente duas semanas – dependendo das condições climáticas –, num trecho de 800 metros entre as Ruas Afonso Benjamin Barbi e Dorval Marcatto. As intervenções devem ser no horário das 7h30 às 17h, período em que o trânsito fluirá em meia pista. Motoristas poderão utilizar desvios pelas Ruas Francisco Hruschka e Adelina Klein Ehlert. Após a conclusão das obras, a rua será repavimentada pela Prefeitura.

Prefeitura vai adquirir novo lote de estufas à agricultura familiar - A Secretaria de Desenvolvimento Rural e Abastecimento, por meio do Fundo Municipal de Incentivo ao Desenvolvimento Rural e Agricultura, lançou edital para registro de preços para seleção de propostas à aquisição de conjuntos de abrigos para produção agrícola (estufas) ao longo de 12 meses, destinados para incentivo à agricultura familiar de Jaraguá do Sul. Os envelopes com a documentação e as propostas devem ser entregues até o dia 27 de novembro. O valor máximo do orçamento é R$ 401.950,00. O Município vai adquirir várias unidades de abrigo para produção agrícola, com tamanhos diferentes e sistema de gotejamento para os canteiros, inclusive a cobertura. É o chamado cultivo protegido. Lançado em 2017, o Projeto Cinturão Verde é dividido em etapas. Já foram entregues estufas em 2018 e 2019 de tamanhos variados. Os participantes recebem capacitação, orientação e assistência técnica quanto a questão do plantio, do cultivo e a colheita. E também a organização do grupo de produtores.

Eleitos, Machado e Demarchi vão dirigir o IFSC Centro e Rau - O professor José Roberto Machado foi eleito diretor-geral do Campus Jaraguá do Sul-Centro. O novo diretor teve 419 votos de alunos, 17 votos de técnicos-administrativos e 37 de docentes, conquistando 52,82% dos votos válidos. Em segundo lugar ficou o candidato Élson Quil Cardozo, que somou 121 votos discentes, 24 votos de técnicos e 11 professores, alcançando 29,58% dos votos válidos. Servidores e estudantes participaram da votação realizada na quarta-feira, dia 13 de novembro. No IFSC Campus Rau, o candidato Delcio Luís Demarchi foi eleito o diretor-geral obtendo 57 votos de alunos, 23 votos de técnico-administrativos e 28 de docentes, conquistando 37,01% dos votos válidos. Por uma margem bastante pequena ele ficou à frente do candidato Gerson Ulbricht, que somou 39 votos discentes, 12 votos de técnicos e 26 professores, alcançando 36,90% dos votos. O resultado oficial foi divulgado na página oficial das eleições. A homologação do resultado deverá ocorrer no dia 16 de dezembro. A homologação é dada pelo Conselho Superior do IFSC. O mandato deverá iniciar em abril de 2020

Vereador defende grupo de brigadistas para escolas e creches - A necessidade de mais atenção quanto à segurança nas Escolas e Centros de Educação Infantil, no que se refere à prevenção de incêndios e outras possíveis ocorrências semelhantes, foi levantada na Câmara. Gruner mencionou a possibilidade de organização de um trabalho com medidas preventivas nas unidades educacionais. “Em caso de incêndio em uma escola, que atitudes devem ser tomadas pelos professores? Temos que criar mecanismos para que as pessoas possam ficar seguras”, ponderou, acrescentando que vai encaminhar ao Executivo uma indicação, com minuta de projeto, para criação de grupo de brigadistas para atender escolas com trabalhos de orientação e simulados de ocorrências. “A prevenção é a melhor arma”, alertou. Segundo Gruner o assunto foi debatido durante uma reunião com munícipes, em seu gabinete.

Município vai reformar escola e adquirir brinquedos às crianças - O Governo Municipal lançou edital para contratação de pessoa jurídica para prestação de serviços de engenharia com fornecimento de materiais e mão de obra, para reforma em uma área de 2.057,30 m² para troca de cobertura, de instalações elétricas e de cabeamento estruturado, na Escola Rodolfo Dornbusch, localizada na Rua Professor Irmão Geraldino, Bairro Vila Lalau.

As propostas devem ser entregues até o dia 29 de novembro, com abertura na mesma data. O valor máximo da contratação é de R$ 1.831.905,06. Outra licitação é para a compra de brinquedos diversos às escolas de educação básica e centros de educação infantil. As propostas serão abertas no dia 3 de dezembro. O valor de referência (orçamento) é de R$ 1.022.955,20.

Agenda

Ver todos