Calculadora mental

Cristiano Mahfud Watzko

Graduado em Direito pelo Centro Universitário Católica de Santa Catarina, Pós-graduado (MBA em Direito Empresarial) pela SUSTENTARE - Escola de Negócios, com atuação no Departamento de Direito Tributário.

Ver artigos

Caro (a) leitor (a), recentemente li um texto no site da “Par Mais” e abaixo compartilho algumas informações. O texto tratava sobre o título deste artigo.

O conceito “calculadora mental” foi criado pelo ganhador do Nobel de Economia de 2017, Richard Thaler. Ela busca explicar uma tendência das pessoas em separar o seu dinheiro em diferentes categorias, ou “contas mentais”, baseado em critérios completamente subjetivos como a fonte de recebimento do dinheiro ou a sua intenção de uso.

Exemplo do “porquinho” – Uma pessoa tem um porquinho no qual ela guarda os seus trocados. Ela vai colocando moedinhas e quando tiver R$ 250,00, vai usar o dinheiro guardado para comprar um calçado novo. Essa pessoa atualmente tem R$ 150,00 no seu porquinho. Ocorre que no mês corrente, a conta do cartão de crédito veio mais alta que o normal, e não irá conseguir pagar a fatura total, gerando um saldo a pagar de R$ 150,00. Para as finanças comportamentais, dificilmente essa pessoa usará o dinheiro do porquinho para quitar o seu cartão, ainda que isso seja o mais sensato a se fazer. O dinheiro no porquinho não sofre nenhuma remuneração, enquanto a dívida de R$ 150,00 no cartão de crédito tem a incidência de juros altos, e logo custará bem mais que R$ 150,00 para ser paga. Porém, na cabeça da maioria das pessoas, essas duas contas estão separadas. O que quer se deixar a mensagem aqui, é que caso a pessoa optasse por pagar a fatura total do cartão, ela não pagará juros e será mais fácil guardar para comprar o mesmo calçado, contudo, poucos tomam essa atitude.

Exemplo do “cinema” – A origem deste é dos pesquisadores da Universidade de Princeton em 1984. No primeiro cenário, a pessoa vai a bilheteria de um cinema e compra por R$ 15,00 o ingresso para ver um filme, porém, quando está para entrar na sala do cinema percebe que perdeu o seu ingresso. Já no segundo cenário, a mesma que pessoa vai para a bilheteria do cinema, contudo, quando abre a sua carteira, percebe que perdeu os R$ 15,00 que havia separado para ver o filme. O resultado do estudo é o seguinte: apenas 46% dos participantes gastariam outros R$ 15,00 para comprar outro ingresso para o filme no cenário 1. Em contrapartida, 88% dos participantes compraria o ingresso no cenário 2. A questão nos dois casos é idêntica. E você leitor (a) estaria disposto a gastar R$ 15,00 a mais do que planejava pelo ingresso? Apesar da perda nos dois cenários ser de R$ 15,00, o fato de você já ter comprado ou não o ingresso influencia fortemente a decisão.

Liquidações - As liquidações também possuem o intuito de enganar a sua calculadora mental. Suponha que pensas em comprar uma camiseta de R$ 40,00 e, quando vai ao shopping, percebe que está ocorrendo uma liquidação e que ao comprar uma segunda camiseta você ganhará 40% de desconto nas duas. Caso opte por comprar duas camisetas, você terá um desconto em cada uma delas, no entanto gastará R$ 8,00 a mais do que esperava inicialmente, ou seja, o seu gasto total será 8% maior. Pense bem, se realmente precisas de duas camisetas, ou se a compra está sendo por impulso. Novamente, é a sua ‘calculadora mental’ que afeta a sua decisão.

E para o (a) leitor (a) como está a influência de sua ‘calculadora mental’ nas suas decisões financeiras? A resposta é sua. Desejo sucesso financeiro ao (a) leitor (a). Sinta-se à vontade para entrar em contato através do e-mail: [email protected] Até a próxima.

Notas

Regularização do Simples Nacional termina no dia 31 - Quem foi excluído do SN em 2019 têm até 31.01 para regularizar as pendências e fazerem uma nova adesão ao regime, desde que não haja débito com a RF ou a Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional. O prazo também se aplica aos empresários interessados em aderir ao regime pela primeira vez. Caso contrário, o ingresso acontecerá somente no próximo ano. Ao optar pelo Simples Nacional, o empresário tem a oportunidade de pagar oito tributos, entre municipais, estaduais e federais, de uma única vez, reduzindo os custos tributários. Também fica livre de obrigações acessórias com vencimentos distintos, reduzindo a burocracia para administrar o negócio. Para empresas em início de atividade, o prazo para a solicitação é de 30 dias contados do último deferimento de inscrição (municipal ou estadual, caso exigível), desde que não tenham decorridos 180 dias da data de abertura constante do CNPJ (para empresas abertas até 31/12/2019) ou 60 dias (para empresas abertas a partir de 01/01/2020). A adesão será exclusivamente pela internet, por meio do Portal do SN.

Fundador da Condor na plenária da CDL de janeiro - A primeira plenária mensal da Câmara de Dirigentes Lojistas está marcada para o dia 31, a partir das 12h15min, no Clube Atlético Baependi. A entidade recebe o fundador da Rede Condor Hipermercados, Joanir Zonta, que inaugurou moderna loja em 2019, na Vila Lenzi. Ele participa do quadro ‘Varejando’, espaço dedicado ao compartilhamento de boas práticas de varejo. Além disso, a reunião ainda conta com o lançamento do segundo ciclo do programa de mentoria da CDL e terá explicação sobre o PIT (Programa de Iniciação ao Trabalho). O encontro é destinado a associados, que podem confirmar presença pelo e-mail [email protected] ou pelo (47) 3275-7070.

Estudantes de Massaranduba já podem se inscrever no programa Bolsa Transporte

A partir desta quinta-feira (16/1), os estudantes de cursos do ensino superior ou nível médio profissionalizantes de Massaranduba já podem se inscrever no programa Bolsa Transporte para o primeiro semestre de 2020, que prevê o auxílio de até 100% no transporte escolar. O prazo para a inscrição é até 16 de fevereiro para bolsas de 100% ou 75% e até 31 de maio para 50%.

Para ter acesso ao programa é preciso fazer a inscrição através do site http://sistema.portalave.com.br/universitário, através do simulador de cálculos e envio de documentos (conforme edital disponível no site do município

Dico e Celestino dividirão presidência da Câmara este ano

Jaraguá do Sul - Desde o dia 1º de janeiro, Isair Moser, o Dico, do PSDB, é o presidente da Câmara de Vereadores. Ele recebeu nove votos contra dois para Ademar Winter, que votou em si e recebeu também de Rogério Jung, do MDB. O vice-presidente é Eugênio José Juraszek (PP), 1º secretário Celestino Klinkoski (PP) e 2º secretário Ronaldo Magal de Souza (PSD).

A eleição de Moser seguiu acordo firmado em 2016, após a eleição municipal. Em 2017 o presidente foi Pedro Garcia, em 2018 Anderson Kassner e no ano passado, Marcelindo Carlos Gruner, que se despediu no dia 31 de dezembro.

Estrutura da Secretaria de Educação muda de endereço-A Secretaria de Educação de Guaramirim está agora atendendo junto à Secretaria de Desenvolvimento Social e Habitação, localizado na Rua Irineu Vilela Veiga, 222, Centro. O telefone de contato é 3373-3397. A mudança ocorreu pelo fato de que em 2020 inicia a construção da nova estrutura da Escola Municipal de Educação Fundamental Dorvalino Felipe e, neste período, os alunos serão realocados para estudar no prédio da Secretaria de Educação, na Rua 28 de Agosto. A decisão de levar a Educação para atender no mesmo local do Desenvolvimento Social é para otimizar o espaço e economizar com aluguel. Com isso, a Defesa Civil e os Bombeiros Militares, que antes utilizavam salas na Secretaria de Desenvolvimento Social passaram a atender junto à Fundação Cultural.

Agenda

Ver todos