Especiais

UP Down faz "vakinha" para implantar espaço terapêutico

Foto: Divulgação

A UP Down – União de Pais pela Síndrome de Down, nasceu da necessidade de transmitir informações às famílias e profissionais envolvidos com a síndrome de Down, para fortalecimento, união, desenvolvimento e inclusão na sua mais efetiva compreensão. As atividades iniciaram em 2017 e desde então tem crescido, ganhado espaço e reconhecimento.

Segundo a diretoria, a Associação UP Down está entrando em uma nova fase e está captando recursos para reformar quatro salas para iniciar atendimento de fonoaudióloga, fisioterapeuta, terapeuta ocupacional e pedagoga.

Para tanto, lançou campanha da vakinha online iniciada no dia 27 de setembro e encerramento previsto para 26 de março de 2020. A meta é arrecadar R$ 50 mil. Qualquer valor é importante para o projeto da UP Down que busca a autonomia e inclusão da pessoa com T21.

A UP Down pode ser contatada pelo telefone 9-9975-2818. Tem endereço na Marechal Deodoro 972, Sala 13, no Centro. O objetivo é criar um espaço terapêutico para fornecer de forma gratuita aos associados os serviços de fonoaudiologia, fisioterapia, terapia ocupacional e pedagogia.

O valor arrecadado destina-se a reforma de quatro salas, compra de móveis e materiais para o início das atividades. O objetivo da entidade é ajudar famílias, profissionais e o público em geral a combater preconceitos e a buscar condições efetivas de qualidade de vida e inclusão para pessoas com síndrome de Down.

Nova cafeteria vai empregar pessoas com deficiência

Jaraguá do Sul terá a sua cafeteria especial. Um lugar para tomar um delicioso café, sendo recebido e atendido por pessoas com e sem deficiência, o que nos remete a uma inclusão de fato. A iniciativa surgiu do desejo das sócias Margareth Ripp e Cláudia Arrazão. Ambas são da área da educação e viram na cafeteria uma oportunidade de fazer a diferença, oportunizando emprego para pessoas com deficiência.

Iniciando com sete atendentes, desses, cinco pessoas com deficiência, mas o objetivo é ampliar a contratação. O diferencial da cafeteria é que, além de oportunizar emprego, as pessoas com deficiência estarão sendo capacitadas para atuar, mostrando que as limitações existem, mas as possibilidades superam as expectativas. A inauguração é na tarde de sábado (12). Fica na Walter Marquardt 697, perto do Sesi. Chama-se Bem-Me-Quer Cafeteria e Doceria Especial.