Especiais

Maria Madalena, a Madá precisa da sua ajuda!

Carla Nunes

Carla Nunes é jornalista, cronista e editora do JDV Digital. 

Maria Madalena Almuas, a Madá, descobriu em maio de 2015 que estava com o câncer. A partir daquele momento, a sua vida seria de luta contra um linfoma de Hodgkin, um tipo de câncer que se origina no sistema linfático, conjunto composto por órgãos (linfonodos ou gânglios) e tecidos que produzem as células responsáveis pela imunidade e vasos que conduzem essas células através do corpo. Infelizmente não há cura para o câncer de Madalena, os medicamentos apenas “adormecem” a doença e oferecem condições para que ela possa ter uma vida mais tranquila, amenizando as dores.

Ela já passou por todas as quimioterapias disponíveis pelo SUS, ao total de cinco, e nenhuma delas teve resultado efetivo e como último recurso precisa tomar uma medicação caríssima chamada Brentuximab Vedotin, que corresponde a R$ 56 mil cada aplicação. Sem condições financeiras e sem poder trabalhar, com uma filha de 12 anos, Maria Madalena conta que em 2016, entrou com uma ação judicial para receber essa medicação pelo SUS e ganhou na justiça o direito de receber as doses do governo.

Das 16 aplicações que ela precisa, já conseguiu tomar dez, mas apesar de ter ganhado a liberação anticorpo-fármaco, ela recebe a medicação sempre com atrasos o que prejudica seu tratamento. “Eu tenho um protocolo a ser seguido, eu não posso tomar a medicação atrasada, mas infelizmente sempre atrasa”, conta. Graças a essa medicação, Maria Madalena não perde mais o cabelo (algo que a entristecia profundamente), sente menos dores e também tem menos mal-estar. E apesar da intensa batalha que vence todos os dias, o cansaço não a impede de sorrir e ser grata. “Eu aprendi muito com o câncer, principalmente a viver o hoje e ser grata”, comenta.

Para manter a casa, o aluguel, a filha e os compromissos financeiros, mesmo não podendo, Madalena faz muito esforço todos os meses. Ela faz o “Café com Madá”, sorteios, bazar e vende camisetas com a palavra FÉ! O JDV se solidarizou com a história dela e resolveu ajudar na campanha. Todo dinheiro arrecadado vai ajudá-la no tratamento, pois além do Vedotin, há outras medicações que ela precisa tomar, que são mais acessíveis, mas para quem não tem recursos financeiros qualquer despesa a mais pesa e muito todos os meses. Torcemos também que com a solidariedade de todos e, principalmente, com sua ajuda, quem sabe ela não possa repor alguma das aplicações atrasadas? Entre na campanha #todospelamadá.

Conta Bancária: Maria Madalena Almuas Caixa Econômica: Agência 0417 operação 001 Conta Corrente 46134-8 Santander Agência 1539 Conta Corrente 01005039-8 Bradesco Agência 0356 Conta Corrente 75628-8 Maria Madalena Almuas CPF 05945136930

Notas

Partidos buscam mulheres para se lançarem em campanha - Com o veto às coligações proporcionais, partidos políticos têm feito uma corrida interna para ampliar o número de mulheres dispostas a se lançar em campanha. Como a nova regra obriga a partir deste ano que cada legenda tenha, de forma independente, ao menos 30% de nomes femininos nas urnas, partidos que não alcançarem esse percentual vão ter de barrar homens na eleição. Se a cota feminina não for alcançada, a lista de homens terá de ser reduzida na mesma medida e a chapa será então proporcional. Em eleições anteriores, quando a cota do gênero já estava valendo, mas o veto às coligações ainda não, os partidos se coligavam e valia a média de candidaturas femininas do bloco. Na prática, uma legenda podia salvar a outra. Agora é cada uma por si. E além de estabelecer uma percentagem mínima de candidaturas de mulheres, as regras eleitorais determinam que os partidos destinem ao menos 30% de sua verba do Fundo Eleitoral para as campanhas femininas. A corrida por mulheres candidatas está acontecendo em todos os partidos.

Escola de gastronomia organiza duas oficinas - O Chef Gourmet, escola de gastronomia sediada em Jaraguá do Sul, está organizando duas oficinas para capacitação de interessados no universo gastronômico. No dia 22, o chef e professor Gabriel Leoni fala sobre melhores cortes de legumes e verduras para várias preparações e também como congelá-los. Já nos dias 28 e 29, é a vez de a chef Dominique Conceição ensinar aos participantes os segredos da preparação de ovos de Páscoa. As inscrições podem ser feitas pelos telefones (47) 9 9115-8506 e 3055-0679. Para saber mais, basta acessar www.escolachefgourmet.com.br ou seguir as redes sociais da marca.

Secretaria de Saúde promove audiência pública - Os resultados do último quadrimestre serão apresentados à população pela Secretaria de Saúde de Massaranduba na segunda-feira (24), a partir das 9h30min, na Câmara de Vereadores. O relatório dará também os números consolidados do ano. A audiência é o meio pela qual a comunidade pode acompanhar a execução da programação anual da saúde relativos a 2019 e os principais detalhes sobre recebimentos e aplicação dos recursos financeiros e prestação de serviços.

CARNAVAL – O Clube Atlético Baependi promove no dia 25, terça-feira, o carnaval infantil a partir das 14h, com animação do Dj Xalinho e tendo como atração o Robô Led. No local haverá food truck. Evento gratuito para sócios e não sócios a R$ 5,00. Até cinco anos é livre.

Centenário realiza a festa de rei e rainha - A Sociedade Desportiva Recreativa Rio da Luz II – Salão Centenário, realiza no dia 22, sábado, a festa de rei e rainha com baile, a partir das 18h com a concentração dos sócios e uma hora depois a busca das majestades, Muriel Cristo e Jehnefen Tonello (rei e rainha), Natalício Shimanski, David Horongozo, Cecília Schimanski e Tânia Fischer (cavalheiros e princesas). Aldoir Oldenburg será o comandante. O baile começa às 20h30min com a Banda GBD, posteriormente o Grupo Chama e para finalizar a noitada, o Grupo Talagaço. O valor por participante é R$ 35,00 com direito ao buffet, duas horas de bebidas livre (cerveja, refrigerante e água) e impresso para o baile. Quem for apenas para o baile pagará R$ 15,00.