Política

Deputado Vicente exalta participação do Estado na região

Foto: ISANDRO FIAMONCINI

O deputado Vicente Caropreso avalia como positivo o primeiro ano de mandato da nova legislatura, como também o desempenho do governador Carlos Moisés da Silva, que no seu entendimento tem dado atenção à região, com destaque para a retomada das obras de duplicação dos 9,5 km da BR-280, entre Jaraguá e Guaramirim, orçada em R$ 103 milhões. O prazo de execução é de 900 dias, como está na placa da obra.

Essa obra foi iniciada em maio de 2017 e paralisada em março do ano passado, com poucos avanços. Neste ano estão sendo investidos R$ 4 milhões. A retomada, agora, deve ser até a conclusão, garante o deputado Vicente. Ele registra, também, avanços para o custeio dos hospitais filantrópicos – são 182 no Estado – que estão recebendo recursos específicos do Fundo, de acordo com a população de cada região e o número de atendimentos de cada hospital.

“Para os Hospitais São José e Jaraguá, o reparte ficou em R$ 3,8 milhões e R$ 2,4 milhões, respectivamente, parte já liberado. Esse valor pode ser aumentado conforme novos serviços forem incorporados”, registra Vicente. Como exemplo cita o São José, que busca a habilitação para cardiologia, processo já iniciado e que deve receber inicialmente o aval da Secretaria de Estado da Saúde. “As chances são boas, considerando que tem toda estrutura para os procedimentos”, avalia.

O deputado tucano informa que está prevista a liberação, este ano, de mais R$ 400 mil para cada hospital, para custeio, de emendas impositivas, da mesma forma em que conquistou R$ 100 mil para a AMA para ampliação do espaço e R$ 50 mil para a Apae à aquisição de veículos. Para Caropreso, o governador Moisés percorre o caminho certo. Cortou a própria carne, reduziu despesas, enxugou a máquina e busca atender dentro da realidade financeira do Estado. “Temos de acreditar, ele tem feito um governo sério até aqui”.

Projetos do novo Código Sanitário e Nota Fiscal Segura são destacados

Entre as conquistas à região, o deputado Vicente registra o valor de R$ 850 mil à construção de um centro de tiro olímpico para os Jasc 2020 que serão em Jaraguá do Sul, outros R$ 50 mil para a Rede Feminina de Combate ao Câncer, ambulâncias a serem entregues aos Bombeiros de Massaranduba e de Corupá e recursos às demais corporações da região. Entre projetos em tramitação, destaca o novo Código de Vigilância Sanitária de SC, que tem como propósito a atualização da legislação sanitária estadual, alinhado às mudanças sociais, econômicas e tecnológicas no campo da saúde. “A legislação ficará mais fácil para quem quiser empreender”, diz.

Outro projeto é o que institui o Programa Nota Fiscal Segurança, que vai beneficiar o consumidor catarinense que paga o ICMS nas compras. A iniciativa prevê que o consumidor receba de volta, em forma de créditos, parte do ICMS pago ao comprar em estabelecimentos do Estado. Entidades sem fins lucrativos, em diversas áreas, indicadas pelo consumidor também poderão ser beneficiadas.

Notas

Amanhã é dia de cuca na Comunidade Evangélica Luterana da Vila Lenzi, das 6h às 11h. Mais informações e encomendas pelo telefone: (47) 3275-3063.

 

Na tarde desta quarta-feira (11), o deputado federal Carlos Chiodini, junto com o prefeito de Jaraguá do Sul, Antidio Lunelli, e o secretário de Administração do município, Argos Burgardt, se reuniram com o diretor do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), André Kuhn, para solicitar a recuperação da malha viária da entrada de Jaraguá do Sul. Para o deputado, a obra estruturante de aproximadamente R$ 2 milhões é de extrema importância e vai melhorar o principal acesso à cidade.

 

Alunas destaques do concurso CDL na Escola são premiadas - A CDL - Câmara de Dirigentes Lojistas de Jaraguá do Sul entregou kits escolares para alunas e professoras vencedoras da etapa municipal do concurso CDL na Escola 2019. A iniciativa é uma parceria com a FCDL (Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Santa Catarina), com apoio do Sicoob Cejascred. A aluna vencedora na categoria Redação foi Monize Eger D' Oliveira, do 9º ano da Escola Alberto Bauer, com apoio da professora Salete Miriam Coelho. Já na categoria Desenho, quem ganhou o prêmio foi Júlia Vicentin Pereira, do 4º ano da Escola Anna Töwe Nagel, com apoio da professora Andréia J. Renta. Além da premiação com os kits enviados pela FCDL, as alunas e professoras ganharam tablets doados pelo Sicoob Cejascred.

Centro de Especialidades Odontológicas terá um novo local - Está assegurado o valor de R$ 710 mil para reforço do orçamento do Fundo Municipal de Saúde para atender despesas com a implantação do Centro de Especialidades Odontológicas, no bairro Vila Lenzi. A iniciativa objetiva ampliar e manter a oferta física da rede de atendimento individual em especialidades odontológicas disponibilizando à comunidade maior acesso aos serviços de saúde. O crédito especial decorre da necessidade de se promover a desapropriação de imóvel para a implantação do Centro de Especialidades Odontológicas. O CEO sairá do Centro Vida, onde está instalado em local acanhado para o tamanho da demanda, para um espaço próprio próximo a unidade básica de saúde da Vila Lenzi.

Jogos Abertos provocam mudanças no calendário escolar 2020 - O vereador e professor Arlindo Rincos manifestou a sua preocupação em relação ao calendário escolar de 2020, em conversa com a secretária da Educação, Ivana Atanásio Dias. Devido à realização dos 60ºs Jogos Abertos de Santa Catarina, as férias do meio do ano foram alteradas para novembro, mês de realização do evento poliesportivo em Jaraguá do Sul. A preocupação, segundo disse, se deve ao cansaço e o desgaste que as crianças vão ter com um período tão longo de aulas. Ele também afirmou que os pais contam com as férias no meio do ano para programar viagens e folgas nas empresas onde trabalham. Segundo o parlamentar, as férias do final do ano também serão prejudicadas, já que o período letivo vai se estender até o dia 23 de dezembro. Devido aos Jasc, as escolas vão servir de alojamento aos atletas que virão de todo o Estado. O vereador sugeriu a antecipação da abertura do ano letivo em uma semana, mas em face da escala de férias dos professores, a sugestão não pode ser acatada.