Especiais

Caminhada pelo Dia da Não Violência contra a Mulher atrai grande público

Foto: Divulgação

A região central da cidade foi coberta pela cor lilás na manhã de sábado (30) com mais de 500 pessoas vestidas com a camiseta e portando balões, além de cartazes, para lembrar o Dia Internacional da Não Violência contra a Mulher, com uma caminhada de sensibilização promovida pela Secretaria de Assistência Social e Habitação, por meio do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas). A concentração ocorreu na Praça Ângelo Piazera, com roteiro que seguiu pela Marechal Deodoro da Fonseca, Reinoldo Rau e retorno à praça.

As ações lembraram das 52 vítimas de feminicídio, homicídio contra a mulher devido à violência doméstica ou discriminação de gênero de Santa Catarina, no período de janeiro a 15 de novembro. Cada uma das vítimas de feminicídio no Estado foi lembrada com um sapato confeccionado em madeirite pelos idosos da oficina de marcenaria do Centro de Convivência – com iniciais do nome, idade e cidade onde moravam.

Antes da caminhada rosas foram levadas até os sapatos expostos em lugar de destaque ao lado do palco aos fundos do Museu Municipal. Agora eles estão expostos no Creas de atendimento à mulher, no bairro Nova Brasília. Diversas entidades estavam representadas na caminhada, incluída a Polícia Civil e a Polícia Militar.

O Creas Nova Brasília é a porta de entrada para os casos desta natureza, e atendeu voluntariamente de janeiro até 21 de novembro, 41 mulheres vítimas de violência (física, psicológica, sexual). Fica na Rua José Emmendoerfer, 328, telefone 3371-8445. O horário de funcionamento é de segunda a sexta-feira, das 8 às 17 horas, sem fechar para o almoço.

A caminhada chamou muito a atenção da população circulante no perímetro pré-definido e por alguns minutos parou o trânsito, com orientação da PM. A avaliação dos organizadores foi positiva pela ampla participação e envolvimento da comunidade no movimento.

Notas

Amanhã é dia de cuca na Comunidade Evangélica Luterana da Vila Lenzi, das 6h às 11h. Mais informações e encomendas pelo telefone: (47) 3275-3063.

 

Na tarde desta quarta-feira (11), o deputado federal Carlos Chiodini, junto com o prefeito de Jaraguá do Sul, Antidio Lunelli, e o secretário de Administração do município, Argos Burgardt, se reuniram com o diretor do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT), André Kuhn, para solicitar a recuperação da malha viária da entrada de Jaraguá do Sul. Para o deputado, a obra estruturante de aproximadamente R$ 2 milhões é de extrema importância e vai melhorar o principal acesso à cidade.

 

Alunas destaques do concurso CDL na Escola são premiadas - A CDL - Câmara de Dirigentes Lojistas de Jaraguá do Sul entregou kits escolares para alunas e professoras vencedoras da etapa municipal do concurso CDL na Escola 2019. A iniciativa é uma parceria com a FCDL (Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas de Santa Catarina), com apoio do Sicoob Cejascred. A aluna vencedora na categoria Redação foi Monize Eger D' Oliveira, do 9º ano da Escola Alberto Bauer, com apoio da professora Salete Miriam Coelho. Já na categoria Desenho, quem ganhou o prêmio foi Júlia Vicentin Pereira, do 4º ano da Escola Anna Töwe Nagel, com apoio da professora Andréia J. Renta. Além da premiação com os kits enviados pela FCDL, as alunas e professoras ganharam tablets doados pelo Sicoob Cejascred.

Centro de Especialidades Odontológicas terá um novo local - Está assegurado o valor de R$ 710 mil para reforço do orçamento do Fundo Municipal de Saúde para atender despesas com a implantação do Centro de Especialidades Odontológicas, no bairro Vila Lenzi. A iniciativa objetiva ampliar e manter a oferta física da rede de atendimento individual em especialidades odontológicas disponibilizando à comunidade maior acesso aos serviços de saúde. O crédito especial decorre da necessidade de se promover a desapropriação de imóvel para a implantação do Centro de Especialidades Odontológicas. O CEO sairá do Centro Vida, onde está instalado em local acanhado para o tamanho da demanda, para um espaço próprio próximo a unidade básica de saúde da Vila Lenzi.

Jogos Abertos provocam mudanças no calendário escolar 2020 - O vereador e professor Arlindo Rincos manifestou a sua preocupação em relação ao calendário escolar de 2020, em conversa com a secretária da Educação, Ivana Atanásio Dias. Devido à realização dos 60ºs Jogos Abertos de Santa Catarina, as férias do meio do ano foram alteradas para novembro, mês de realização do evento poliesportivo em Jaraguá do Sul. A preocupação, segundo disse, se deve ao cansaço e o desgaste que as crianças vão ter com um período tão longo de aulas. Ele também afirmou que os pais contam com as férias no meio do ano para programar viagens e folgas nas empresas onde trabalham. Segundo o parlamentar, as férias do final do ano também serão prejudicadas, já que o período letivo vai se estender até o dia 23 de dezembro. Devido aos Jasc, as escolas vão servir de alojamento aos atletas que virão de todo o Estado. O vereador sugeriu a antecipação da abertura do ano letivo em uma semana, mas em face da escala de férias dos professores, a sugestão não pode ser acatada.